Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Março, 2018

Ai Martim #19

Conversa de hoje:

Martim : - Mãe sou um boi!
Eu : - Um boi? 
Martim : - Sim, eminglês  rapaz é boi!
Eu : - Boy Martim!!!
Martim : - Boi!! Eu sou um boi!!!

Ai Tim Tim, na verdade tu és um prince, my prince!!!





Meus amores...

O que seria de mim sem vocês do meu lado? Nem quero pensar, pois é com vocês na minha vida que eu me sinto verdadeiramente realizada e feliz.

Eu estou aqui para hoje e para sempre. Vocês tem sido a minha força, que preenche os meus dias com muito carinho e amor. Estamos juntos para todos os meus momentos !!!





E se eu falhar?

Ando numa face complicada onde as hormonas e os sentimentos andam a flor da pele,choro aos cantos e muitas vezes dou por mim a pensar "E SE EU FALHAR?".
Ando com o medo, de um dia falhar ,neste papel de mãe,onde dou o melhor de mim, onde sou aquela menina de sonhos fáceis e aquele mulher determinada e sem medos.
Mas hoje em dia esta mais visível aquela menina que tem medo de falhar, que tem medo de todos os desafios que lhe tem aparecido nestes últimos tempo.
Ser mãe de três é compensador mas é de uma responsabilidade que se tem de calcular cada passo dado com medos das consequências, com medo do que ade vir.
Sei que não sou a melhor mãe do mundo,mas tenho a certeza que dou o melhor.
Se é fácil? Não,sem duvida que não o é,mas de uma coisa tenho a certeza é das poucas coisa que me faz sentir realizada e feliz.
Irei falhar vezes sem conta,mas também irei dar o melhor de mim nesta grande aventura,que é ser mãe.




Volta!

Tenho tantas saudade dos teus olhos, do gosto da tua boca na minha e da intensidade do meu corpo junto ao teu, das tuas mãos que percorriam o meu corpo e me faziam querer mais, muito mais.
Tenho saudade do som da tua voz, do timbre dela que me causava sensações indescritíveis.
Só queria voltar a sentir o teu cheiro,voltar a ter o meu rosto deslizando por teu pescoço,queria voltar a ser pequenina nas tuas mãos.
Só queria isso, voltar a te ter aqui!

Ai Martim #18

Estava eu aqui a reclamar de tanta coisa para fazer ate que o Martim me diz:
- Mama compra um polvo, tem muitos braços e faz tudo por ti!!!

Quem tem um Martim não precisa de mais nada,ele resolve tudo!!!


Este miúdo é o maior!!!

Ai Martim #17

Estava eu aqui no meu cantinho, a escrever quando o senhor Martim me diz:
- Mãe estou de olho em ti, porta te bem por favor!!!

Deviam de ver o ar de malandro,eu ainda não parei de rir!!! hehehehehe

Iogurte natural e um pouco de imaginação !

No outro dia no facebook questionaram o porque de apenas comprar iogurtes naturais,e fugir aos tradicionais iogurtes de aromas ou até infantis.
Muito simples,nem todos cá em casa gostamos do mesmo ,então haviam sempre iogurtes de vários tipos no frigorífico, e muitas vezes devido a isso passavam a data e acabavam no lixo.
Por isso passei a comprar iogurtes e com um pouco de imaginação ,cada um prepara o seu a sua maneira.
E honestamente tornasse mais saudável e económico.
Entre toda a oferta que há hoje em dia,as granolas são as eleitas cá em casa.
Com chocolate,fruta ou mel há para todos os gostos.
Como já sabem cá em casa somos fãs do continente online, e recorremos sempre ao mesmo para compras as coisas para o pequeno almoço,por isso deixo vos alguns dos nossos produtos favoritos.










Post não publicitário, todos os produtos a venda aqui


O dia de ontem já passou!!!

Por mais que o tempo passe rápido, tento aproveitar sempre os bons  momentos.
Procuro não esquecer que existem dias bons e outros nem por isso...Mas com força, fé e sabedoria sigo sempre em frente.  Não esqueço o passado,ele faz parte de mim...Simplesmente, a palavra já diz "Passado", então pedi ao tempo que o guarde para mim, pois fiz parte dele. Aprendi a não esquecer o ontem, pois se estou mais forte é devido ao mesmo. Viver o hoje e ter a certeza que o amanhã ser melhor,é o melhor pensamento que se pode ter para que a força não falte,e que os dias sejam menos complicados. O dia de ontem foi duro,meteu toda a minha fé no limite mas ao mesmo tempo me deu forças para o dia de hoje, e o de amanha.

Que revolta!!!

Hoje escrevo no sítio diferente, no hospital propriamente na sala de espera do Hospital de Guimarães.
Mas não é um sítio que é diferente, os sentimentos esses são muito diferentes do normal, hoje sinto uma revolta e uma frustração fora do normal.
Tenho a cabeça cheias de porquês e perguntas sem responda.
A vida a anda ser tão madrasta comigo, vem uma coisa boa mas logo a seguir vêm uma dúzia de coisas más. Nada corre como eu quero, como eu preciso.
Sim sou forte e sei que darei a volta, mas se houver um dia que não consiga dar? Que vai ser da minha vida  Dos meus filhos?
São perguntas as quais eu não tenho resposta, mas as quais tenho medo de referir.
Não me falem em fé, essa está no nível mais baixo que há, assim como a forma que acredito que tudo se irá recompor.
Vamos lá esperar aqui sentada novamente nesta sala que já me Deus coisas boas e coisas más, que me seja apresentado o novo desafio que aí vem.

Ai Martim#16

Estava agora mesmo no computador a escrever,enquanto isso ouvia uma musica do Ed Sheeran ,e as lágrimas escorreram pela cara. Nisso o Martim agarrou me o pescoço e sussurrou me ao ouvido: - Por favor tira essa musica, não aguento te ver triste. Amo-te !!!
Que seria de mim sem este amor, sem os meus filhos?? Não seria nada,tudo perdia o sentido por completo

Ai Martim#15

Estava eu na cozinha a tratar do jantar,entretanto o Martim chega com a seguinte conversa:

Martim:- Mãe já sei falar contar ate 10 !
Eu:- Boa filho! Conta lá!
Martim :- Ohhh mãe estou cansado!
Eu: - Tu não sabes é contar!
Martim :- Diz lá a verdade, tu é que não sabes e queres aprender comigo! Vai para a escola!!!

E levei uma de burra que nem foi bom!
heheheheheheh!!!!

Ai Martim#14

Ontem devido a febre ficou na avó,assim sendo fui lá almoçar.

Enquanto comia:
Eu: - Filho estas melhor? Logo vais para casa?
Martim: - Claro que vou para casa, senão vais estar sempre a ser chata e a ligar.
Eu:- ohh estava preocupada amor!
Martim: - Nada disso,tu tens é medo de dormir sozinha. Mas olha que ninguém te querer!!

Anda uma mãe a criar um filho para isto!!!

Meninos só de mãe!

Hoje foram convidadas a falar de pai, não eram obrigadas a fazê-lo mas aceitaram.
Sentaram se no meio de uma roda de gente ansiosa por as ouvir, mas antes de falarem olham para mim, como se me estivessem a pedir autorização para o fazer,sorri e elas começaram.
Falaram, eu chorei, até que me sentei ao lado delas,falamos as três como se estivéssemos apenas nós,recordamos momentos, medos e sentimentos.
Estivemos  dez minutos a falar do pai, do nosso  super herói, rimos e choramos até que ficámos num abraço, que só ele nos fez calar.
O silêncio foi quebrado por um aplauso e muitos beijos e abraços cheios de amor.
Nunca pensei em ter uma conversa daquelas em público, mas na verdade ajudou a deitar tudo  cá para fora de uma forma diferente. Mas acima de tudo senti que lhes fez muito bem, e elas pediram para voltarem a ir "a reunião de meninos só de mãe".
Todos os dias tenho mais certeza que tenho os filhos muitos especiais.

Ai Martim #13

Estava na cozinha a ler uma carta,elas a duas acabavam a fruta, ele estava no quarto, quando começa esta conversa:Inês : - Mãe quem te escreveu essa carta? É uma conta para pagar? É muito dinheiro?
Luana: - Fogo não chega já de perguntas, não te priocupes que não é uma carta de amor de um namorado!
Martim : - Não é uma carta do namorado nada, eu não sei escrever! E pronto arrumou com elas e com a curiosidade, daquela que matou o gato hehe hehe

Enganei os miúdos!

Ontem enquanto fazia o jantar questionaram quando poderia fazer arroz de pato, sem pensar muito, disse que o faria hoje.
Chegaram da escola animados com o jantar prometido pela naba da mãe que se esqueceu de comprar o pato.
Estive para me desculpar e dizer que não havia pato no talho, mas não o fiz.
Peguei em dois peitos de frango e fiz um arroz de "pato  que na verdade era de frango.
Eles comeram, não deram conta da troca e adoram o jantar. Eu já me ri tanto, mas ao mesmo tempo sinto me uma parva por ter enganado os miúdos

Ai Martim #12

Hoje enquanto eu fazia o jantar :

Martim - Agora sou o pai! Eu mando cá em casa!
Eu - OK filho mas olha amanhã vais trabalhar, já não vês desenhos animados, já não, vais dar os teus brinquedos e as tuas cartas. Agora és um homem grande!
Martim : Esquece mãe  afinal sou só o Martim !

Ai Martim Martim!!!

Estimular a linguagem dos nossos filhos!

O que mais preocupa a nós pais de crianças especiais é a perspectiva de futuro dos filhos, se chegaram a ser crianças/adultos com autonomia.  Esta perspectiva gera angústia, extrema preocupação e faz com que façamos tudo por tudo para os ajudar a desenvolver o máximo possível.  Muitas vezes o trabalho feito na escola não chega, e é importante e que nos pais visitamos as batas e que trabalhem os com eles para que sejam bastante  estimulados, para que os resolva dos sejam mais visíveis.  Por isso a pedido de várias mãmas vou começar a partilhar todas as actividades que uso com o Martim.  Depois de gastar muito dinheiro em livros que acabavam todos riscados e muitos deles no lixo, a terapeuta do Martim recomendou me umas actividades no Pinterest, passei a ter muito mais material e sempre a mão. Normalmente vou lá, tiro umas  dez imagens e repito sempre as mesmas até que ele já as saiba direitinho(vou sempre trabalhando os sons que a terapeuta me diz que está a trabalhar com ele) . É hoje em di…

Jogar para poupar!

Cada vez é mais importante incutir aos nossos filhos normas de poupança de energia, mas infelizmente não é fácil, pois rapidamente ficam desmotivados  para o assunto.  Mas a Coopérnico em parceria com a ZERO e a Chimp, juntam esforços para ensinar eficiência energética a jovens do 5º ao 12º ano através do jogo POWER QUIZ
O Power Quiz vai colocar os jovens  a pensar em eficiência energética de forma divertida e simultaneamente pedagógica. O jogo esta disponível  em versão PC e dispositivos móveis.
É é  super fácil de utilizar :


Basta instalar


Registar

Escolher o ano de escolaridade e a escola

E estão preparados para começar a aventura,sozinhos ou em modo batalha com um amigo ! 



E sempre que não acertarem nas perguntas poderá ver a correcção e aprenderem com a mesma. 

É o melhor de tudo, no final os melhores serão premiados, por isso desafie os vossos filhos e jogam em família!!  Boa sorte e boas poupanças! 
Mais informações Aqui

A mãe na cozinha #3

Domingo de manhã cá em casa é sinónimo de panquecas, mas nem sempre corria bem, até que experimentei o preparado da Branca de Neve para panquecas, para além de sair sempre bem é super fácil e rápido de preparar e com isso poupamos tempo.


Com geleia, mel, compota, iogurte ou até simples as panquecas fazem as delícias cá em casa e graças a Branca de neve as panquecas cá em casa passaram a ser sempre fofinhas e muito saborosas. Experimentem e que me contem como correu! 

Não se esqueçam disso.!!

Mãe... ... também quebra, cai e fica doente, tem dias bons, dias maus e dias de trovoada, tem vontades e desejos. ... tem vontade de chorar, sorrir, falar, gritar e estar calada. ... também precise de descansar, de se realizar, de amar e de ser amada. ... também se chateia, perdoa e amua. ... também tem dias de preguiça e de gula. ... precisa de mimos e colo. ... também precisa de elogios e de conselhos. ... precisa de desligar e se sentir mulher. ... precisa de se tratar de de ser tratada. Mãe precisa que façam por ela tudo o que ela faz todos os dias pelos seus.

Saberão o que é amar?

Tantas vezes que digo aos meus filhos que os amo, mas saberão eles o que significa Amar? 

Amar é respeitar e saber lidar com as diferenças, aceitar as diferenças, relevar muitas vezes as diferenças... isso sim é amar, saber contornar cada momento de conflito e de desavença, é sentar e conversar, é não ter grito, é ter paciência, é saber segurar na mão do outro e dizer: Perdão, eu fiz errado, mas não sabia que isso iria te magoar. É saber dizer: Eu te perdoo, mas por favor, não faça mais isso que me deixa triste... é ter sinceridade e dizer a verdade sempre, mesmo que esta seja amarga e dolorida! Isso é amar...Amar é respeitar e saber lidar com as diferenças, aceitar as diferenças, relevar muitas vezes as diferenças... isso sim é amar, saber contornar cada momento de conflito e de desavença, é sentar e conversar, é não ter grito, é ter paciência, é saber segurar na mão do outro e dizer: Perdão, eu fiz errado, mas não sabia que isso iria te magoar. É saber dizer: Eu te perdoo, mas por …

Nunca irei substituir o pai!

Como vocês sabem já fez três meses que o meu marido morreu, houveram muitos coisas que ouvi durante esse tempo que não concordo, uma delas foi  que agora serei mãe e pai dos meus filhos. Honestamente não concordo nem um bocadinho, ninguém substitui ninguém, muito menos um pai.
Pai esse que no meio das sua imperfeições era o pai mais prefeito que podiam ter, que os mimava, que os amava e que daria a vida por eles.
Eu nunca iria conseguir  substituir alguém tão importante, eu apenas serei Mãe,com tudo o que isso implica e mais umas tarefas que poderiam ser feitas pelo pai, mas que infelizmente não está cá para as fazer.
Nunca estaria a altura para o fazer, nunca conseguiria dar o mesmo colo, o mesmo abraço ou até o mesmo sermão nas horas mais difíceis .
Eu irei lhes dar colo, mas nunca terá o mesmo calor e o mesmo cheiro que o do pai.
Irei dar o meu melhor para que a dor da perda seja menor, para que a vida lhes sorria, para seguirem o melhor caminho mas nunca farei o papel que não me…

Olhar com outros olhos

Já faz algum tempo que comecei a olhar para mim de outra maneira, a dar mais valor a mulher em que me tornei.
Olho me ao espelho e já não vejo a menina que via, vejo um mulher, uma grande mulher.
Uma mulher que tem defeitos, mas que também tem virtudes,uma mulher com uma força vinda do além,uma eterna menina com medos e receios, cheia de sonhos e objectivos de vida, que com toda a paciência e força de vontade irá os realizar.
Vejo uma grande mãe  que vai até ao fim do mundo pelos filhos, que vai até a China para os ver felizes, vejo uma grande mãe sem dúvida.
Não sou a mesma, a maturidade trouxe-me muitas coisas boas, uma delas a capacidade de olhar para mim da maneira merecida.
Muito caminho ainda tenho a percorrer para me tornar em quem me quero tornar, mas tenho a certeza que estou num momento caminho.

Quem nunca???

Hoje entrei numa sapataria com o intuito de comprar umas sapatilhas para mim mas fui directa à secção de criança e acabei por comprar umas a Luana.
Mas situações como esta já não me apanham de surpresa, honestamente estranhava caso fosse o contrário. Depois de me tornar mãe não há uma vez que não compre uma coisa para um deles cada vez que vou com o intuito de comprar para mim.
Muitas vezes deixo mesmo de comprar para mim para comprar para eles,muitas vezes não porque precisem mas sim por ver alguma coisa que sei que lhes fique bem ou que bem vão gostar. E hoje não podia ser diferente, comprei lhe umas sapatilhas todas giras, e quando chegou e as viu adorou.
E o facto dela ter gostado fez com que o dia tenha ficado ganho e o coração cheio. E de uma coisa tenho a certeza, sempre que o voltar a fazer será por amor, e me deixará de coração cheio.

Tudo sai ao lado

Depois de ser mãe os meus dias nunca mais foram iguais, o dia de hoje foi diferente ao de ontem que será também diferente ao de amanhã.Agora todos os planos me saem ao lado, deixei de poder programar os dias e as horas, agora tudo depende dos meus filhos.E hoje foi mais um desses dias onde tinha mil e uma coisas programadas mas não consegui fazer nem metade. Tudo porque o pequeno Martim está doente. Estando doente fica uma criança muito mimada, com isso só querer colo e miminhos e não deixa que faça mais nada.
Por isso o jantar passou a ser uma refeição rápida e básica, a roupa ficou por passar,tudo ficou em segundo plano enquanto ele passou a ser prioridade.E hoje assim o foi, colo e mais colo e uma boa dose de miminhos fez com que adormecesse tranquilo.Agora esperamos que ele rapidamente fique bom e que os dias passem a ser mais normais e cheios de rotinas.